Sídrome dos ovários policísticos: o que de fato é e como se tratar

É um distúrbio hormonal mas as vezes é confundido com os cistos nos ovários, o que os difere é a quantidade e o tamanho dos cistos.

São 2 assuntos extremamente interessantes mas hoje vamos falar sobre a síndrome dos ovários policísticos que pode ser observada e diagnosticada a olho nu, através de sinais na pele e no cabelo por exemplo, ou pode ser diagnosticado através de exames.

Apesar de ser uma doença crônica, há como reverter o quadro

Quer saber como? Continue…  icon-arrow-circle-down

Alguns sintomas

Pele mais oleosa;

Cabelo oleoso e em alguns casos com caspa;

Acne;

Hirsutismo (aumento de pelos no rosto, seios e abdômen);

Atraso na menstruação ou a falta dela;

Por ser uma doença cronica, requer um tratamento adequado e que atue nos sintomas.

 

A DOENÇA:

O nome é Síndrome dos Ovários Policísticos, mas aqui vou chamá-la de (SOP) ok?

Bem, como eu ia dizendo é uma doença crônica, você pode passar anos ou até a vida toda em tratamento, alguns médicos dizem que algumas mulheres já nascem com ela, e na adolescência (período reprodutivo) começam a surgir os primeiros sintomas, como as incômodas espinhas em excesso, oleosidade na pele e no cabelo e etc.

Nesta fase algumas até vão ao medico procurando tratamento para controlar e amenizar(acne), geralmente, iniciam o tratamento com anticoncepcional, o que pode sim melhorar o aspecto e  os sintomas.

O problema é que a (SOP) é um distúrbio endócrino e o tratamento teria mais potencia se associasse o uso do anticoncepcional com alimentação e atividade física, uma vez que o sobrepeso também pode ser causado pela doença.

Há casos em que se faz o tratamento apenas com anticoncepcional, e após a algum tempo, nota-se a melhora, e ao fazer uma ultrasonografia nota-se também que não existem mais cistos nos ovários, mas se parar de tomar o medicamento e voltar a fazer o exame, nota-se que eles (os cistos) voltaram.

CAUSAS:

Vale ressaltar que os ovários não são os causadores da doença, e sim vítimas, assim como a pele e os cabelos…

Ainda não se sabe o que causa a (SOP)

Ao descobrir a doença algumas mulheres chegam a pensar que não podem ter filhos, na verdade não é bem assim, é que um dos principais sintomas é a menstruação que vem sempre atrasada ou fica meses sem menstruar, isso quer dizer que não está ovulando regularmente, mas disso falamos depois…

É claro que os sintomas podem variar afinal não somos iguais 😉

ALIMENTAÇÃO:

Com um cardápio rico em produtos naturais  como frutas, legumes e verduras e logicamente pobre em carboidratos como arroz e massas, fica muuuuiiiito mais potente o tratamento contra a doença.

Aqui vão boas opções: banana, nozes, castanhas, couve, espinafre, aveia e gérmen de trigo.

Descubra o Método de Emagrecimento Utilizado Por Milhares de Mulheres, Para Perder de 5 a 10KG Em Apenas 17 Dias

 ATIVIDADE FÍSICA:

Atividades físicas são sempre bem vindas, já ouviu falar do treinamento HIIT?

Atividade de alta intensidade que pode realmente ajudar você durante o tratamento e em outras áreas da vida  😉

E agora que você já sabe um pouquinho mais sobre a doença, que tal compartilhar com as amigas 😉

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *